Notícias

Confira as últimas notícias do setor:

22 de Abril de 2021

Filipinas: 400.000 toneladas de carne suína a serem importadas

As tarifas diminuíram de 30% para 5% há três meses e isso deu início a uma “corrida do porco” no mercado internacional

Redação com informações de Euromeat

22-Abr-2021 16:40 - Atualizado em 22/04/2021 16:52

AddThis Sharing Buttons

Share to WhatsAppShare to FacebookShare to LinkedInShare to TwitterShare to Pinterest

O mercado filipino deve consumir 400 mil toneladas de carne suína com tarifa de 5% em vez de 30%, já que o país asiático enfrenta um enorme déficit em proteína animal e alta nos preços. Volumes adicionais de até 200 mil toneladas serão trazidos para o país com tarifa de 15% em vez de 40%, conforme despacho assinado pelo presidente Duterte com validade até junho. “Neste momento, meus amigos do setor estão todos correndo para solicitar importação de carne suína. Acho que vai ter um grande volume de importação aproveitando a ordem executiva. Dependendo do que acontecer na economia, acreditamos que pode até subir de 400.000, pode até chegar a 600.000 toneladas métricas este ano no total de importação sob o que chamamos de MAV (volume mínimo de acesso), "Jet Ambalada, Diretor da Associação Filipina de Processadores de Carnes.

Atualmente, a carne suína no mercado ainda é vendida a preços mais elevados, pois carrega tarifas de 30% a 40% e "pode ??levar algum tempo para vender esses produtos, a menos que eles estejam dispostos a reduzir seus custos para diminuir suas perdas . O que precisamos fazer agora é que as carcaças importadas tenham acesso desimpedido aos mercados ", afirmou Jesus Cham, presidente da Associação de Importadores e Comerciantes de Carne das Filipinas da CNN Filipinas. Até agora, as Filipinas dependem de 23% das importações de carne suína, mas a dependência pode aumentar à medida que o país enfrenta um surto de FEA em andamento desde 2019. Desde então, mais de 400.000 porcos foram sacrificados em 5 províncias do país.

De acordo com a projeção da Federação de Produtores de Suínos das Filipinas, pode levar cerca de três anos para que a produção volte aos níveis pré-ASF.


Fonte site: www.suinoculturaindustrial.com.br
 

 

G&S Agro Informática © 2013 - Todos os direitos reservados
Acesso Restrito | Download TeamViewer
Desenvolvido por: Lovatel Agência Digital